Cuiteense poderá pegar até 28 anos de prisão por fazer parte da gangue de Guarabira/PB


Ministério Público da Bahia aperta o cerco contra os estelionatários guarabirenses e na última sexta-feira, 11/05/2012, ajuizou ação penal porFURTO qualificado, com pena de 2 a 8 anos, tendo quatro vítimas arroladas ao processo. Portanto, além do primeiro processo, decorrente da prisão em flagrante, nos crimes de ESTELIONATO, FORMAÇÃO DE QUADRILHA E CORRUPÇÃO ATIVA, some-se agora o processo porFURTO QUALIFICADO. Como não são mais primários, é possível que peguem penas máximas, e se isso acontecer, poderão sofrer as seguintes penas:

Estelionato: 2 a 5 anos e multa;
Formação de Quadrilha: 1 a 3 anos;
Corrupção Ativa: 2 a 12 anos e multa;
Furto qualificado: 2 a 8 anos e multa.

Caso pegue a pena mínima, na somatória de crimes seriam condenados a 7 anos e pagamento de multa. Mas, como não são mais primários, caso peguem máxima pena , serão condenados a 28 anos de reclusão e pagamento de multa.





Dados do Processo

Processo:
0338277-77.2012.8.05.0001
Classe:
Ação Penal - Procedimento Ordinário

Área: Criminal
Assunto:
Furto
Distribuição:
Dependência - 11/05/2012 às 08:27

1ª Vara Criminal - Salvador
Dados da Delegacia:
Inquérito Policial nro. 166/2012 - 11ª CIRCUNSCRIÇAO POLICIAL - Salvador-BA
Partes do Processo
Autor:  Ministério Público do Estado da Bahia
Réu:  Julio Cezar Alves Correia
Réu:  Demetryus Dantas de Sales Clementino
Réu:  Higo Pablo Medeiros Nogueira
Réu:  Pedro Olinto
Vítima: Jose Carlos Moreira Coelho
Vítima: Aloísio Reis de Lima
Vítima: Maria Lúcia Moraes Santana
Vítima: Ruy Araújo Cunha
Outro Processo:
Processo:
0332594-59.2012.8.05.0001
Classe:
Auto de Prisão em Flagrante

Área: Criminal
Assunto:
Estelionato
Distribuição:
Sorteio - 24/04/2012 às 09:42

1ª Vara Criminal - Salvador
Dados da Delegacia:
Auto de Prisão em Flagrante nro. OF 1000/2012 - 11ª CIRCUNSCRIÇAO POLICIAL - Salvador-BA
Partes do Processo
Autor: Autoridade Policial da Decima Primeira Delegacia
Réu: Julio Cezar Alves Correia
Réu: Higo Pablo Medeiros Nogueira
Réu: Pedro Olinto
Réu: Demetryus Dantas de Sales Clementino
Vítima: Jose Carlos Moreira Coelho
www.setimaregional.com.br colaboração via e-mail